Alugue um carro elétrico

Ter carro próprio não é bom negócio. Quem já fez as contas na ponta do lápis sabe que a comodidade de manter um carro na garagem custa bem mais do que o valor do carro. Vamos fazer umas contas de padeiro para comprovar.

  • Carro 0 km padrão médio: R$ 40.000,00
  • Desvalorização anual de 10%: R$ 4.000,00
  • Seguro anual: R$ 2.000,00
  • Garagem custo anual: R$ 1.200,00 (alugada ou própria, garagem custa dinheiro).
  • Estacionamento: R$ 1.200,00 ao ano (Pode ficar mais caro para quem cair nas mãos da máfia dos flanelinhas).
  • IPVA e licenciamento: R$ 1.000,00 por ano
  • Manutenção: R$ 1.000,00 ao ano
  • Lavagem semanal: R$ 1.000,00 por ano
  • Ganho financeiro perdido caso os valores acima fossem investidos: R$ 5.000,00

Sem considerar o gasto com combustível um carro médio custa cerca de R$ 16.400,00 por ano além do investimento inicial. Se o carro for comprado com financiamento, a conta fica ainda mais salgada. Trocando em miúdos: ao longo de cinco anos, manter um carro médio equivale a comprar outros dois carros 0 km.

Apesar de os números mostrarem que ter um carro equivale a manter uma segunda família, poucos desistem desse sonho de consumo. A comodidade do transporte de porta a porta continua sendo muito valorizada e poucos são os desprendidos que optam por viver sem carro desde que tenham meios de possuir um. Para quem gosta de quebrar paradigmas, porém, existem alternativas ao carro próprio, igualmente cômodas, mais baratas e mais ecológicas. Um exemplo é o aluguel de carro elétrico que está sendo implantado em Paris.

A prefeitura de Paris criou o Autolib, um programa de locação desburocratizada de carros elétricos. Quem participa do programa pode encontrar os carrinhos em vários bairros da cidade. É chegar, entrar, dirigir e devolver em qualquer outro ponto de permuta do sistema. Sistemas similares existem em outras cidades e é adotado também para aluguel de bicicletas. A novidade parisiense é que os carros são elétricos e podem ser reabastecidos nas tomadas dos pontos de permuta. A ideia substitui o táxi, o aluguel tradicional e até o carro próprio de quem não depende muito dele para se deslocar.

A proposta do carro elétrico alugado é ecológica em dois sentidos. Primeiramente por empregar motores elétricos que são menos agressivos ao meio ambiente do que os movidos a combustível fóssil. Segundo porque se baseiam no compartilhamento de bens de alto custo de produção. Os carros elétricos do modelo parisiense são usados mais intensivamente., ficam menos tempo estacionados. Com isso, o uso de cada carro é otimizado e são produzidas menos unidades. O ganho ambiental é evidente, pois a produção dessas máquinas tem um impacto ambiental alto.

É claro que alugar um carro elétrico ainda é uma alternativa menos ecológica do que pedalar uma bicicleta, mas convenhamos, a bicicleta não atende a todas as necessidades cotidianas. Com ideias alternativas como a do carro elétrico alugado parisiense é que se cria uma nova consciência ecológica. Além de serem mais econômicos e mais ecológicos esses carrinhos rompem com o apego fetichista ao carro próprio. Economize, ecologize, desapegue.

Crédito de imagem: Folha.com

Veja também: Simulador de consumo de energia em Excel

Cadastre os aparelhos e deixe o Excel calcular o consumo previsto de energia para sua casa, escritório, loja, condomínio, empresa, etc. Você pode criar várias unidades de consumo, cada uma com vários cenários. Assim, você verifica se o seu consumo está dentro do previsto, pode testar o impacto de uma reforma ou troca de aparelhos ou até estimar o gasto de uma unidade que ainda vai ser construída. Faça o download da versão grátis.

Assista ao vídeo para conhecer o funcionamento da planilha.

Sua opinião me interessa