Casa Farnsworth

Uma casa de campo feita de aço e vidro. A ideia podia parecer estranha, afinal ainda hoje esse tipo de construção está associado a técnicas mais rústicas e materiais tradicionais. O ar tecnológico da combinação aço vidro, tipicamente modernista, começava a ser visto em arranha-céus, mas não em áreas rurais na década de 1950. O resultado da ideia inusitada, porém, foi um sucesso.  Originalmente construída para o veraneio da médica americana Farnsworth, a casa hoje é um museu aberto à visitação de todos que apreciam a melhor arquitetura.

Casa Farnsworth

Linhas retas, horizontalidade, ausência de ornamentos, grandes áreas envidraçadas, cobertura horizontal, estrutura em aço, simplicidade, elegância e funcionalidade. Todos os elementos do estilo de Mies van der Rohe estão presentes na casa Farnsworth. Sua área de 140 m2 é modesta e pensada para um casal. Não há compartimentação em cômodos, exceto pelo banheiro, a única parte fechada da casa. O paralelo mais óbvio que se pode traçar é com a casa de vidro de Philip Johnson e, talvez, com a casa de canoas de Oscar Niemeyer.
A ausência de divisórias tem a ver com o despojamento modernista, mas também com versatilidade, já que permite o rearranjo rápido do espaços. As áreas envidraçadas talvez incomodem aqueles que pensam na casa como refúgio da privacidade, mas como se trata de uma casa rodeada pela natureza e não por vizinhos fofoqueiros faz mais sentido pensar que os olhares se projetam de dentro para fora. A ideia do vidro é proteger contra as intempéries sem obstruir a visão e dar a sensação de que o ambiente interno se integra ao externo. A construção elevada sobre pilares metálicos causa um efeito estético, obviamente, mas sua função  é proteger a casa das inundações, já que o sítio onde foi construída está às margens de um rio.  Mesmo assim, desde que foi construída mais de uma vez a casa foi alcançada pelas enchentes. Pois é, a tecnológica casa Farnsworth é uma palafita de aço. O acesso principal à casa se dá por dois lances de escada intercalados com um deck que levam à varanda construída parcialmente em balanço. Na parte central da casa fica o bloco que aloja a mobília de cozinha, o banheiro, a lareira e os armários. Projeto elegante, funcional,  simples e antenado com a evolução tecnológica da época. Um genuíno Mies Van de Rohe.

Imagens no Flickr

Informações

Farnsworth house

Plano, Illinois, EUA

Arquiteto: Ludwig Mies van der Rohe

Inaugurada em 1951 como casa de campo da médica Edith Farnsworth

Site oficial

Localização Google Maps

Loading
Center map
Tráfego
De bicicleta
Transit

Crédito de imagem: farnsworth.org

Imagens no Wikimedia Commons

 

Fonte: Wikimedia Commons

About Radamés

Engenheiro curitibano pela UFPR, professor e produtor de conteúdos e ferramentas educacionais para a Internet.

Sua opinião me interessa

Scroll To Top