A escória da humanidade entrincheirada nos comentários de Internet

Muitos meios de comunicação digital estão desativando a área de comentários de suas publicações alegando que os custos da moderação ficam mais altos a cada dia. Claro que esta é a desculpa elegante para justificar o fim dos comentários de Internet.

O que está por trás dessa tendência “antidemocrática”, porém, é a conclusão de que os comentários se tornaram uma trincheira da escória da humanidade que os utiliza para fins torpes como calúnia, difamação, preconceito, racismo, ódio e defesa de extremismos de todo tipo. Esses comentários pouco ajudam a melhorar a compreensão do assunto tratado pela publicação e tão pouco melhoram a imagem do meio de comunicação. Se ao contrário, os comentários fossem benéficos à publicação digital os custos de moderação seriam absorvidos sem problemas.

Sem comentários

Raramente leio comentários de Internet, em especial, quando a matéria trata de assunto sensível e, por isso, se eles forem suprimidos não me farão falta. Admito, porém, que se eles fossem de melhor qualidade poderiam ser úteis até para o leitor ter acesso a outros pontos de vista.

Aqui no Brasil estamos longe de ter comentários digitais produtivos. Se o assunto da publicação for política brasileira, então, o que se vê é uma enxurrada de fundamentalismos à direita e à esquerda. Se entre os comentaristas surgir alguém com uma opinião equilibrada logo submergirá no meio à troca de acusações mútuas entre os radicais. Curioso é que alguns comentaristas da escória se expressam com bom domínio do idioma indicando que possuem instrução formal e conhecimentos da área. Outros procuram fundamentar suas posições extremas, mas no geral o que se vê são pessoas que se identificam apenas por nicks repetindo mantras assimilados nas fontes irradiadoras do extremismo político nacional. Seriam eles comentaristas profissionais a serviço de facções políticas, ideológicas, religiosas? Seriam frustrados ociosos aliviando suas tensões latentes?


Veja também: Todos os países do mundo em Excel

Baixe a planilha com dados de todos os países e territórios autônomos do mundo. Download Assista ao vídeo com a análise dos dados da planilha.

Poucas vezes na vida eu fiz comentários em blogs ou notícias de Internet, principalmente depois que a maioria dos sites começou a deixar mais burocrático o processo. Até gostaria de dar mais contribuições à discussão de temas que gosto de acompanhar, mas o tempo urge e quando você entra em uma tubulação de esgoto corre o risco de ficar cheirando mal. Aqui neste blog os comentários estão habilitados. Fique à vontade para opinar, mas infelizmente, seu comentário passará por moderação antes de ir para o ar. Isso é necessário ara evitar a praga dos robôs de Internet e alguns raros vandalismos.

Autor: Radamés

Engenheiro curitibano pela UFPR, professor e produtor de conteúdos e ferramentas educacionais para a Internet.

Sua opinião me interessa