A ilha dos chimpanzés satanistas

Em uma ilha isolada viviam 1000 chimpanzés que constituíram uma sociedade próspera. Graças a uma erva encontrada apenas na ilha os chimpanzés desenvolveram sua capacidade intelectual e formaram uma comunidade avançada. A paz era garantida graças à religião pacifista que os símios professavam. Mas como unanimidade é utopia dez macacos da pá virada resolveram criar uma segunda religião na ilha. Em vez de seguirem a Deus e praticarem o bem o grupinho de chimpanzés tresloucados cultuava Satanás.

Um belo dia, durante o culto principal da religião do bem foi servido como de costume o chá da erva miraculosa que elevava o espírito e a inteligência dos macacos. Por infortúnio do destino naquele dia o Grão Sacerdote se confundiu no preparo do chá e serviu a todos uma infusão com a erva errada. Todos os 990 chimpanzés presentes no culto morreram em questão de horas.

Os dez macacos satanistas, que não participaram do culto sobreviveram e deram continuidade à descendência dos primatas. O desafio da tragédia fez os primatas satanistas tomarem um choque de realidade. Como Deus escreve certo por linhas tortas, com o tempo eles abandonaram sua religião esdrúxula e passaram a pregar o bem e agradecer a Deus por terem sobrevivido.

Levou muitas gerações até os chimpanzés atingirem os níveis populacionais de outrora. Tudo parecia ir bem, já havia novamente perto de mil macacos na ilha, quando uma nova turminha de rebeldes apareceu e refundou a igreja dos satanistas símios. Infelizmente, a esta altura os habitantes da ilha já tinha perdido a noção da importância da diversidade para a sobrevivência da espécie.

Veja também: Todos os países do mundo no Excel

Nesta planilha você encontra dados de todos os países do mundo, além de territórios autônomos e áreas em disputa. Com ela é possível fazer boas análises que interessam a quem gosta de Geografia, para quem viaja e a estudantes fazendo pesquisas. Faça o download grátis.

Assista ao vídeo com a análise dos dados da planilha.

Sua opinião me interessa