As virtudes da ordem alfabética

Em nosso dia a dia sempre estamos organizando listas: convidados para a festa de aniversário, participantes da próxima reunião, itens para comprar no supermercado, jogadores convocados se eu fosse o técnico da seleção brasileira, lugares que gostaria de visitar nas próximas férias, etc. Preste atenção e tome cuidado, pois a forma como você organiza suas listas fala sobre você. Faça o teste: crie uma lista de amigos simplesmente escrevendo o nome deles à medida que vão surgindo em sua cabeça. Há boas chances de seus melhores amigos aparecerem no topo e de os colegas mais distantes ficarem no final.

Tenho uma tendência natural para buscar indícios de ordem em listas. Sempre me pergunto como elas foram organizadas e se havia intenção por trás dessa ordem. Da mesma forma, procuro colocar ordem nas listas que crio. Na minha lista de supermercado, por exemplo, os itens são agrupados por tipo: produtos de limpeza, frutas, carnes, etc. Assim, fica mais fácil checar os itens faltantes enquanto percorro as gôndolas. Embora eu seja um pouco mais organizado do que a maioria, não se iluda: sempre há um princípio de ordem nas listas, mesmo quando elas parecem totalmente caóticas. E pode crer que as pessoas percebem essas lógicas de ordenação. Partindo desse princípio, lembre que se você convocar um grupo para uma reunião o último da lista pode achar que não está recebendo a consideração devida.


Veja também: Todos os países do mundo em Excel

Baixe a planilha com dados de todos os países e territórios autônomos do mundo. Download Assista ao vídeo com a análise dos dados da planilha.

Felizmente, quando você quiser dar um ar de neutralidade à sua lista pode recorrer à redentora ordem alfabética. Lembra da reunião? Convoque os participantes usando uma lista em ordem alfabética e ninguém vai ficar melindrado. O problema moderno é que a habilidade para lidar com listas alfabéticas está ameaçada de extinção. Os mais jovens têm dificuldade para encontrar uma palavra em dicionários impressos. Da mesma forma, se batem para encontrar um nome em uma lista de aprovação em concurso. A escola já não treina mais o uso de listas alfabéticas e a cada dia nos desligamos mais de artefatos como a lista telefônica impressa ou a enciclopédia de papel. O consolo é que o computador ordena listas alfabeticamente com rapidez, poupando esforço mental do usuário. Quer fazer um teste simples para conferir seu domínio da ordem alfabética? Fale rápido e na ordem todas as 26 letras do alfabeto latino. Conseguiu? Ótimo. Agora fale começando do Z para o A.

Autor: Radamés

Engenheiro curitibano pela UFPR, professor e produtor de conteúdos e ferramentas educacionais para a Internet.

1 pensamento em “As virtudes da ordem alfabética”

Sua opinião me interessa