A personalidade do homem está nos botões do paletó

Até recentemente era possível tirar conclusões seguras e precisas sobre a personalidade do homem apenas contando o número de botões do seu paletó e consultando a lista a seguir:

Paletó de dois botões. Não era produzido há vários anos, logo, quem tinha um é porque havia comprado o fato há bastante tempo, coisa de homem desprendido, provavelmente prático, econômico, sem vaidades e pouco preocupado com as superficialidades da imagem.

Paletó de três botões. Até pouco tempo era o número padrão de botões para um paletó. O homem do paletó de três botões desejava estar sintonizado com a tendência dominante, se reciclava e se preocupava com o que a sua imagem fala aos outros.

Paletó de quatro botões. Moda de vanguarda e o homem que o usa quer se distinguir. Esse homem tem uma preocupação visível com imagem. Seu gosto é mais sofisticado e um pouco extravagante. Nesse grupo encontraríamos os candidatos a metrossexuais.

Durante anos divulguei com sucesso esse método seguro de análise da alma masculina entre as minhas colegas. Mas que surpresa a minha quando fui ao shopping há alguns dias e percebi estupefato que os paletós de dois botões voltaram às vitrines. A moda, como a maioria dos fenômenos culturais, é cíclica. Meu método caiu por terra.

Para concluir, informo aos curiosos que tenho um velho paletó cinza de dois botões que uso no dia-a-dia e um terno azul marinho de três botões para as ocasiões formais. Que maravilha, meu paletó cinza voltou à moda sem nenhum investimento. Em compensação o meu terno azul marinho ficou obsoleto pelos próximos dez anos. 

 


Veja também: Todos os países do mundo em Excel

Baixe a planilha com dados de todos os países e territórios autônomos do mundo. Download Assista ao vídeo com a análise dos dados da planilha.

Crédito de imagem: www.brioni.com

O homem multi mega funcional

Pode parecer que estamos retomando o ideal renascentista do homem que dominava as mais variadas artes e ciências. Se fôssemos listar as competências e padrões de comportamento esperados do profissional moderno precisaríamos de muito papel e talvez a relação ficasse mais extensa do que a lista de habilidades dominadas por Leonardo da Vinci. O profissional moderno precisa conhecer idiomas, dominar a Informática, manter ótimo relacionamento interpessoal, ser criativo, flexível, aberto a mudanças, estar atualizado, reciclado, saber escrever com correção e elegância, etc., etc.

Bem, agora vamos falar sério. A maioria das funções do mercado não precisa de um Leonardo da Vinci. Então porque essa histeria com a ampliação ilimitada das competências? Precisamos de todas esses talentos para ser bons profissionais? Sim e não. Sim, é saudável buscar o crescimento pessoal. Não, não é razoável abraçar metas exageradas de desempenho quando não há demanda por elas. Não estaríamos reagindo de forma exagerada aos problemas com os especialistas do passado? Especialistas são aqueles caras que sabem quase tudo sobre quase nada. Como eles não dão conta do recado em algumas situações da vida agora a onda é o profissional generalista, multifuncional, pluri competente. Sejamos holísticos, então, mas cuidado: Quem levar à risca a cartilha do novo profissional corre o risco de ficar sabendo quase nada sobre quase tudo. Não seria melhor, fazer de quase tudo um pouco, mas fazer pelo menos uma coisa bem feita?

A persistência e a teimosia

Em todos os textos que já li sobre as qualidades do empreendedor figura a persistência. Persistência, palavra bela que nos remete ao padrão de comportamento virtuoso de quem não se desvia do objetivo traçado, é obstinado, tenaz, perseverante. Por outro lado, desde cedo somos alertados dos perigos da teimosia. “Não seja teimoso, meu filho.” “Aquele velho é uma parede de teimosia.” A teimosia destrói relações entre as pessoas e leva ao isolamento. A teimosia é um dos tipos mais citados de chatice. Mas, afinal, qual é a diferença entre persistência e teimosia? Eu diria que ambas quando analisadas fora de contexto remetem ao mesmo padrão de comportamento. São absoutamente iguais quando observadas em si. A diferença? É simples. Teimosia é uma persistência que deu errado e a persistência é uma teimosia que deu certo.

Coffee break com networking

Coffee break

Recentemente, fui a um simpósio em São Paulo e no programa constava o item: cofee break e networking. A maioria deve concordar que o cofee break é uma das partes mais interessantes de todo evento. Primeiro, porque dá um break e depois porque tem coffee, aquela droga negra, quente e forte tão necessária. Mas agora tem o networking. Aquilo que era um momento de descontração para bater papo e relaxar tornou-se uma atividade estruturada e mensurável por métricas especializadas. Fez seu networking? Quantos cartões trocou? Algum contato promissor? Eu nunca fui bom em marketing pessoal e muito menos em networking. Como o nome diz, networking é um tipo de trabalho, um novo item a levar em conta em nossas vidas sobrecarregadas de regras e indicadores de desempenho. Nos bons tempos, a gente fazia contatos simplesmente porque é típico entre nós macacos sem pêlos nos relacionarmos com os pares da mesma espécie. O networking trouxe-nos a profissionalização interesseira do bom e velho bate-papo. Alguém conhece um livro de auto-ajuda com ênfase em networdking? Existem as 101 regras para o networking eficaz? Quem quiser fazer networking comigo, estou à disposição.

Em que fase a lua está hoje?

Antes de começar o post, aí está a tabela de fases da lua para 2018.

Fases da lua 2018

Lunação Fase Dia Hora
1175 Cheia 02/01/2018 0:24
1175 Minguante 08/01/2018 20:25
1176 Nova 17/01/2018 0:17
1176 Crescente 24/01/2018 20:20
1176 Cheia 31/01/2018 11:26
1176 Minguante 07/02/2018 13:53
1177 Nova 15/02/2018 19:05
1177 Crescente 23/02/2018 5:09
1177 Cheia 01/03/2018 21:51
1177 Minguante 09/03/2018 8:19
1178 Nova 17/03/2018 10:11
1178 Crescente 24/03/2018 12:35
1178 Cheia 31/03/2018 9:36
1178 Minguante 08/04/2018 4:17
1179 Nova 15/04/2018 22:57
1179 Crescente 22/04/2018 18:45
1179 Cheia 29/04/2018 21:58
1179 Minguante 07/05/2018 23:08
1180 Nova 15/05/2018 8:47
1180 Crescente 22/05/2018 0:49
1180 Cheia 29/05/2018 11:19
1180 Minguante 06/06/2018 15:31
1181 Nova 13/06/2018 16:43
1181 Crescente 20/06/2018 7:50
1181 Cheia 28/06/2018 1:53
1181 Minguante 06/07/2018 4:50
1182 Nova 12/07/2018 23:47
1182 Crescente 19/07/2018 16:52
1182 Cheia 27/07/2018 17:20
1182 Minguante 04/08/2018 15:17
1183 Nova 11/08/2018 6:57
1183 Crescente 18/08/2018 4:48
1183 Cheia 26/08/2018 8:56
1183 Minguante 02/09/2018 23:37
1184 Nova 09/09/2018 15:01
1184 Crescente 16/09/2018 20:14
1184 Cheia 24/09/2018 23:52
1184 Minguante 02/10/2018 6:45
1185 Nova 09/10/2018 0:46
1185 Crescente 16/10/2018 15:01
1185 Cheia 24/10/2018 14:45
1185 Minguante 31/10/2018 14:40
1186 Nova 07/11/2018 14:01
1186 Crescente 15/11/2018 12:54
1186 Cheia 23/11/2018 3:39
1186 Minguante 29/11/2018 22:18
1187 Nova 07/12/2018 5:20
1187 Crescente 15/12/2018 9:49
1187 Cheia 22/12/2018 15:48
1187 Minguante 29/12/2018 7:34

Baixe a planilha de fases para usar no computador ou celular.

download-button

Assista ao vídeo e veja como a planilha funciona e como foi criada.

Para usar a planilha você precisa do Excel, que é gratuito para uso em celulares.

Tabela de fases da lua no Excel

Reflexão

lua cheia

Ganhei três calendários em 2008, mas nenhum deles traz as fases da lua. O calendário do Windows também não me dá essa informação, nem tampouco o calendário que mantenho no Netvibes. Para saber em que fase a lua está tenho que pesquisar em um site especializado em astronomia. E para que saber em que fase a lua está? Os motivos são muitos. Eu gosto de sentar no gramado do quintal à noite para ouvir os grilos e observar a lua. Isso faz muito bem ao meu equilíbrio interior. Eu sei de pessoas que não cortam o cabelo na minguante e de outras que olham a fase da lua antes de irem pescar. Os astrônomos se ocupam da lua para entender a matemática do céu e os poetas se emocionam diante dela.

No entanto, parece que cada vez menos gente se interessa pelas influências da lua em nossas vidas. A maioria das pessoas nem deve saber quantos dias dura uma fase ou a seqüência em que elas se alternam. Pois é, o mundo gira, conhecimentos surgem, hábitos tornam-se obsoletos. Talvez daqui a alguns anos conhecimentos sobre a arte de escrever blogs sejam de uma inutilidade fulminante. Hoje você é vanguarda e amanhã, velharia. Mas não se preocupe demais com a dinâmica do conhecimento. Dê um tempo. Que tal observar a lua hoje?