Criaturas

Já acordaste um dia
transformado em imenso,
repulsivo inseto?
Já foste um dia
barata leprosa,
cão sarnento?
Se foste ou não foste
pouco importa,
sincero ou hipócrita leitor,
afinal, quem se importa
com criaturas repulsivas?

Autor: Radamés

Engenheiro curitibano pela UFPR, professor e produtor de conteúdos e ferramentas educacionais para a Internet.

Seu comentário também é poesia