Arquivo da tag: meio ambiente

Pequenas grandes ideias ambientais

Segue algumas ideias simples que podem ser postas em prática com pouco esforço e que ajudam a preservação do meio ambiente.

Carregador universal de celular

Os principais fabricantes de aparelhos celulares fecharam acordo em 2009 para adotar carregadores de bateria universais a partir de 2012. A ideia é permitir que o consumidor possa usar o mesmo carregador com qualquer celular que venha a comprar, independente de marca, modelo ou tipo. As vantagens do carregador universal são inúmeras: você não precisa comprar carregador novo quando troca de celular e pode emprestar o carregador para um colega que tem aparelho de outra marca. Para o meio ambiente também há vantagens, pois a adoção dos carregadores universais evitará a produção de milhares de toneladas de lixo eletrônico todo ano. Como as pessoas trocam de celular com muita frequência, acabam acumulando carregadores em perfeitas condições de uso, mas que se tornam inúteis por não serem compatíveis com o aparelho recém-adquirido.

Continue lendo Pequenas grandes ideias ambientais

Ecológico é …

Algumas ideias ecológicas poderosas.

Ter poucos filhos

Você pode adquirir hábitos sustentáveis como ir ao supermercado com sacola de pano ou pedalar na magrela para ir ao trabalho. Tudo isso é bom para o meio ambiente, mas algumas atitudes têm um peso realmente estratégico na preservação do ambiente. Provavelmente, a decisão de maior repercussão ambiental que você pode tomar na vida é a definição sobre quantos filhos vai ter.

Eu não conheço ninguém que optou por ter menos filhos porque isso é bom para o meio ambiente. Quem planeja uma família menor, normalmente têm razões não ecológicas em mente como garantir uma formação mais sólida para os filhos. De qualquer forma, estamos diante de um belo caso de união do útil com o sustentável.

As famílias brasileiras têm encolhido nos últimos anos. Minha avó Judite teve sete filhos, minha mãe Helena teve dois e minha esposa Áurea, também dois. No meu círculo de convívio conheço vários casais com filho único e alguns que não têm filhos. Caminhamos para uma realidade típica de países onde o tsunami populacional perdeu a força. Itália e Áustria, por exemplo, já convivem com a redução populacional. No Brasil, nossa população ainda cresce, mas a previsão é de estabilização por volta de 2030.

Infelizmente, em muitos países o crescimento populacional ainda é explosivo. São países pobres, o que quer dizer que a maior parte das crianças que estão nascendo está fadada a crescer na pobreza. O crescimento populacional além de ser um problema ambiental é um sério problema social. Planejamento familiar é um assunto delicado que exige pensar em muitos aspectos da nossa vida, um deles é o mundo que vamos deixar para nossos filhos.

Continue lendo Ecológico é …

Antropoceno: 10.000 anos de geoengenharia planetária

Antropoceno seria o período em que as características geológicas do nosso planeta passaram a sofrer alterações significativas por conta da ação humana. Não se trata de um período geológico oficial; a ideia de cria-lo partiu do Prêmio Nobel de Química Paul Crutzen em 2000, embora outros cientistas já tivessem feito propostas semelhantes bem antes. Paul Crutzen defende que o período Antropoceno iniciou no século XVIII com a invenção da máquina a vapor. Foi nessa época que os humanos começaram a fazer uso intensivo dos combustíveis fósseis e de lá para cá a concentração de gás carbônico na atmosfera aumentou drasticamente. Outros estudiosos defendem que a ação humana passou a causar alterações significativas no planeta desde o desenvolvimento da agricultura há cerca de dez mil anos. Se considerarmos todos os impactos da espécie humana sobre os ecossistemas teríamos que recuar ainda mais no tempo. O crescimento da população de homo sapiens pode estar relacionado com a grande extinção de megafauna após a última glaciação, ocorrida há quase doze mil anos atrás. Nessa linha de raciocínio o período geológico oficial conhecido como Holoceno poderia ser renomeado para Antropoceno já que foi nesse intervalo de cerca de 12.000 anos que a Terra passou a sentir o impacto da presença do homo sapiens.

Continue lendo Antropoceno: 10.000 anos de geoengenharia planetária