Relógios: evolução, tecnologias e usos

Vamos falar um pouco sobre a evolução do relógio de pulso masculino. O processo começa lá no início do Século XX. A popularização do relógio de pulso começou quando pessoas começaram a usa-lo em condições menos formais. O relógio Cartier Santos foi criado para atender uma necessidade do nosso inventor Santos Dumont que precisava consultar as horas de um jeito prático.

Cartier-Santos
Cartier-Santos

Evolução

Alguns marcos da evolução tecnológica do relógio de pulso

  • 1910s. Popularização do relógio de pulso.
  • 1914-18. Uso tático durante a Primeira Grande Guerra.
  • 1926. Rolex lança o oyster, relógio resistente a água.
  • 1953. Rolex Submariner, o relógio diver resistente a 300m na água.
  • 1967 Relógio mecânico de alta frequência (hi-beat da Seiko).
  • 1969. Seiko Astron, o primeiro relógio quartz.
  • 1970s. Surgem relógios com calculadora.
  • 1976. Relógio eco-drive da Citizen que carrega sua bateria com luz solar.
  • 1983. Primeiro Casio G-Shock de alta resistência mecânica.
  • 1986. Relógio kinetic da Seiko que carrega a bateria com movimentos do pulso.
  • 1990s. Surgem relógios conectados.
  • 1990s. Surgem relógios com sensores ambientais.
  • 2004. Relógio quartz sem bateria (spring drive da Seiko).
  • 2010s. Surgem relógios smart.

Fonte do acionamento

Há várias formas de prover a energia que um relógio precisa para funcionar.

  • Mecânico manual.
  • Mecânico automático.
  • Mecânico de alta frequência (Hi beat da Seiko).
  • Quartz pilha com mostrador analógico de ponteiros.
  • Quartz pilha com mostrador digital LCD.
  • Quartz pilha anadig. Combina ponteiros mecânicos e mostrador LCD.
  • Quartz bateria com recarga solar. Para relógios analógicos, digitais ou anadig.
  • Quartz bateria com recarga por movimento do pulso (Kinetic da Seiko).
  • Quartz sem bateria (Spring drive da Seiko).
  • Bateria com recarga usb (smart phones).
  • Bateria com recarga indutiva (smart phones).

Usos do relógio

Podemos criar uma escala: campo <> casual <> social. Alguns relógios ficam na fronteira entre campo e casual, outros são casual/social. Em todos os pontos da escala podemos ter relógios funcionais.

  • Campo. Field watch. Resistente a choque, vibração, poeira, água, riscos, etc. Para uso no trabalho manual, ambientes sujos, atividades esportivas, uso militar, etc.
  • Casual. Everyday watch. Para uso diário, em ambientes pouco agressivos como escritório e ambiente externo urbano. Geralmente com visual informal, confortável, legível, interface limpa.
  • Social. Dress watch. Para ocasiões formais, visual sofisticado, materiais de valor, minimalista.
  • Funcional. Tool watch. Vem com complicações úteis a um uso específico profissional, esportivo, tático, etc. Alguns tipos de relógio funcional:
    • GMT.
    • Mergulho.
    • Aviação.
    • Velocidade.
    • Tático.
Usos do relógio

Categorias econômicas

Podemos classificar os relógios em categorias associadas ao valor da peça e ao prestígio da marca. Aqui adotamos uma classificação em três faixas de preço.

  • Classe A. Acima de US$ 10.000,00. Para milionários.
  • Classe B. Entre US$ 1.000,00 e US$ 10.000,00. Para ricos.
  • Classe C. Abaixo de US$ 1.000,00. Aqui temos alguns relógios BBB com preços honestos.
Faixas de preço de relógios

Relógios

Veja também: Trace o seu perfil ideológico

Sua opinião me interessa