As lavadoras de roupa mais econômicas do Brasil

O Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia) tem um programa de etiquetagem específico para máquinas de lavar roupa de uso residencial. Trata-se de uma boa iniciativa que ajuda o consumidor a fazer uma escolha consciente, pois as máquinas vem de fábrica com uma etiqueta do Inmetro que informa dados sobre sua eficiência. Como o programa do Inmetro divide os aparelhos em categorias e analisa várias características das máquinas, no final, fica difícil dizer qual é a mais econômica. Este é um blog ambientalista, então vamos partir das tabelas do Inmetro para determinar quais máquinas realmente economizam recursos do ambiente independente de seu tipo, tamanho ou funcionalidades.

Continue lendo As lavadoras de roupa mais econômicas do Brasil

A máquina de lavar para o consumidor ecológico

Existem lavadoras de roupa para todos os gostos e bolsos à venda no Brasil. Quem quiser fazer uma boa compra deve lembrar que o preço do aparelho é apenas um dos itens a considerar na hora de fechar negócio. A máquina de lavar consome energia elétrica e água e o custo desses insumos tem que ser computado no custo total do eletrodoméstico. Uma máquina barata, mas ineficiente pode ficar mais cara no longo prazo do que outra de preço mais alto, mas com alta eficiência. Além disso, consumo baixo de energia e água é uma exigência do consumidor preocupado com o meio ambiente.

Continue lendo A máquina de lavar para o consumidor ecológico

Os carros mais econômicos do Brasil 2012


Veja todos os 1.102 modelos e versões divulgados na tabela do Inmetro 2016 baixando a planilha a seguir em Excel.

Download

Ou baixe a versão editável grátis na área de Downloads para usuários cadastrados.

Assista ao vídeo e veja a análise dos dados da planilha.


Agora, vamos ao post original de 2012:

Mais uma vez o Uno Mille Fire Economy leva o troféu de carro mais econômico do Brasil tanto ao rodar com etanol quanto com gasolina. O Conpet avalia o consumo de combustível dos veículos leves nacionais desde 2009. Em 2012 foram avaliados 103 modelos de veículos de sete montadoras: Fiat, Ford, Honda, Kia, Peugeot, Renault, Toyota e Volkswagen. A adesão ao programa de etiquetagem veicular é voluntária e, por isso, estar na lista já é um mérito. Esperamos que um dia a etiquetagem seja obrigatória para todos os veículos que rodam no país. Assim, o consumidor poderá comparar o consumo dos carros em condições padronizadas de medição. Veja os resultados de 2012.

Continue lendo Os carros mais econômicos do Brasil 2012

Mitos sobre casas ecológicas

Antes de construir casas ecológicas precisamos demolir alguns mitos sobre esse tipo de construção se quisermos rumar para a sociedade sustentável.

Casas? Para começar, a casa ecológica não precisa ser uma casa. Pode ser um apartamento, talvez um loft, um sobrado, ou quem sabe, um flat. Não é o tipo da construção que garante selo verde a uma moradia e, sim, seu baixo impacto ambiental. Casa ecológica é a moradia com consumo de recursos bem mais baixo do que uma construção convencional. Mais baixo quanto? Não existe legislação para definir qual habitação pode receber o rótulo de “casa ecológica”, mas o bom senso recomenda que o consumo de recursos da casa realmente ecológica seja no máximo a metade do que se verifica em uma casa convencional. Isso quer dizer que a casa ecológica consome metade da água potável gasta em uma casa comum e dissipa no máximo metade da energia tragada pelas habitações convencionais. A regra do corte pela metade parece razoável para o estado da arte atual, mas temos que considerar que o conceito de casa ecológica está em constante evolução. O tempo passa, a tecnologia avança e daqui alguns anos o impacto ambiental das residências pode ficar abaixo do que conseguimos hoje com a adoção de novas práticas e tecnologias.

Continue lendo Mitos sobre casas ecológicas

Os sistemas da casa ecológica

Quando falamos de casa ecológica temos que considerar também outros tipos de moradia como apartamentos, lofts e condomínios. Todos esses tipos de construção podem ser chamados ecológicos desde que tenham em comum o baixo impacto ambiental. Para simplificar, aqui vamos levar em conta apenas a casa uni familiar construída em condições ideais que permitam a instalação dos sistemas mais promissores para a redução do impacto ambiental.

Uma casa ecológica é mais complexa do que uma casa convencional similar, pois tem mais sistemas que se integram entre si exigindo tecnologia mais avançada tanto para instalá-los como para mantê-los. Certamente, a casa ecológica é mais tecnológica do que a convencional. Vejamos os principais sistemas de uma casa ecológica modelo.

Continue lendo Os sistemas da casa ecológica