Instagram versus Flickr

O Instagram tem recebido os holofotes da imprensa desde que começou a fazer sucesso. A novidade mais recente da dessa rede social de fotografias, porém não teve a repercussão desejada. Estamos falando da atualização polêmica de seus termos de uso. Quem leu e interpretou o texto diz que o Instagram pode comercializar as fotos publicadas no serviço sem pedir autorização ao fotógrafo e, pior, sem ter que remunerá-lo. A incerteza sobre o destino das fotos publicadas no Instagram causou uma corrida pelo descadastramento do serviço. A revista National Geographic, por exemplo, desativou sua conta no Instagram até que haja melhores esclarecimentos sobre a questão dos direitos autorais.

Continue lendo “Instagram versus Flickr”

.

Para que serve o Instagram?

O Instagram serviu para seus criadores embolsarem 1 bilhão de dólares vendendo o produto para o Facebook. Uma das funções do Intagram, portanto, é alimentar a crença popular de que qualquer jovem talentoso com uma boa ideia na cabeça e um computador nas mãos podem fazer fortuna repentina no admirável mundo novo da Internet. Mas para que serve o Instagram além disso? Antes, vamos esclarecer para as pessoas normais que o Instagram é um app que combina editor de fotografias com rede social. É um programinha que você instala em celulares do tipo smartphone, tira uma foto com o celular, edita a imagem no Instagram e publica na rede social do aplicativo. Até pouco tempo atrás ele só funcionava em um smpartphone específico: o iPhone, mas agora está disponível também para smarts Android. Os céticos dirão: editores de imagem existem muitos por aí e redes sociais onde dá para publicar fotos também. Então, qual é a função do Instagram? Digamos que a ideia dele é editar e publicar fotos mais rapidamente, de um jeito mais descolado. Até pouco tempo atrás, publicar uma foto no Instagram era símbolo de status, afinal só quem tinha um iPhone podia participar dessa seleta rede social de fotos estilosas. Olhando por esse ângulo, a verdadeira função do Instagram é mais sociológica do que tecnológica. Um pouco da aura de exclusividade do Instagram se perdeu quando ele foi liberado para celulares com Android, mas convenhamos, ter um smarthpone com pacote de dados, seja qual for, é um dos símbolos de status da atualidade.

Continue lendo “Para que serve o Instagram?”